Formação de professores e educação do campo: Contribuições da Teoria Histórico-Cultural e da Pedagogia Histórico-Critica

Teacher training and rural education: Contributions of Historical-Cultural Theory and Historical-Critical Pedagogy

Autores

Palavras-chave:

PROFESSORES, FORMAÇÃO, ESCOLA DO CAMPO

Resumo

Apresenta-se uma discussão, de natureza teórica, que discorre sobre a humanização como produto das relações sociais e da aquisição de conhecimentos decorrentes dessas relações. É necessário compreender em que condições os indivíduos se humanizam ou se desumanizam, visto que, em uma sociedade de classes, eles não têm as mesmas possibilidades de adquirir os conhecimentos produzidos ao longo da cultura humana. É necessário compreender a formação de professores para atuar em escolas do campo e o comprometimento com a classe trabalhadora do campo. Conclui-se que uma formação voltada para a emancipação humana deve assumir um caráter revolucionário, a fim de que haja o diálogo com os conhecimentos científicos sistematizados. Esse processo dirigido e intencional fornece as bases para uma práxis revolucionária em todas as esferas da vida do indivíduo, já que por intermédio da práxis e da luta política concreta é que se forjam a consciência e a identidade de classe.

Palavras-chave: Formação. Professores. Escolas do campo.

 

Abstract

A discussion is presented, of a theoretical nature, which discusses humanization as a product of social relations and the acquisition of knowledge resulting from these relations. It is necessary to understand under what conditions individuals humanize or dehumanize themselves, since, in a class society, they do not have the same possibilities of acquiring the knowledge produced throughout human culture. It is necessary to understand the training of teachers to work in rural schools and the commitment to the rural working class. It is concluded that training aimed at human emancipation must assume a revolutionary character, so that there is dialogue with systematized scientific knowledge. This directed and intentional process provides the basis for revolutionary praxis in all spheres of an individual's life, since through praxis and concrete political struggle, class consciousness and identity are forged.

Keywords: Training. Teachers. Rural Schools.

 

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Geizi Kelly Floriano Raposo, Universidade Federal de Mato Grosso do Sul

Possui graduação em Educação Física pela Universidade Federal de Mato Grosso do Sul (2009). Mestrado em Educação pela Faculdade de Educação da Universidade Federal de Mato Grosso do Sul (2021). Atualmente cursa doutorado em Educação na Universidade de Mato Grosso do Sul. É professora da Rede Municipal de Ensino de Campo Grande – MS. E-mail: geiziraposo@gmail.com Orcid: https://orcid.org/0000-0002-3844-2192

Célia Beatriz Piatti, UNIVERSIDADE FEDERAL DE MATO GROSSO DO SUL

Graduada em Pedagogia – Licenciatura em Pedagogia – Faculdade de Filosofia, Ciências e Letras de Ituverava, com especialização em Administração escolar e Orientação educacional. Mestre em Educação pela Universidade Católica Dom Bosco (2006) e Doutora em Educação pela Universidade Federal de Mato Grosso do Sul (2013). E-mail: Celia.piatti@ufms.br Orcid: https://orcid.org/0000-0002-2733-8218

 

Referências

ARROYO Miguel G. Formação de professores. In: CALDART, Roseli Salete et al. (org.). Dicionário da educação do campo. Rio de Janeiro; São Paulo: Escola Politécnica de Saúde Joaquim Venâncio; Expressão Popular, 2012. p. 451

DUARTE, Newton. A individualidade para si: contribuição a uma teoria histórico-cultural da formação do indivíduo. 3 ed. Campinas, SP: Autores Associados, 2013.

DUARTE, Newton. A pedagogia histórico-crítica no âmbito da História da educação brasileira. p. 29 - 50, 2014. Disponível em: https://www.academia.edu/43756444/a_pedagogia_hist%c3%93rico_cr%c3%8dtica_no_%c3%82mbito_da_hist%c3%93ria_da_educa%c3%87%c3%83o_brasileira. Acesso em: 02 de jun. de 2022.

DUARTE, Newton. Vigotski e o “aprender a aprender”: crítica às apropriações neoliberais e pós-modernas da teoria vigotskiana. 5 ed. Campinas, SP: Autores Associados, 2011.

FRIGOTTO, Gaudêncio. A cientificidade do conhecimento e os processos coletivos de transformação da realidade social. In: CALDART, R. S, ALENTEJANO, P. (Orgs.). MST, Universidade e Pesquisa. 1. ed. São Paulo: Expressão Popular, 2014.

FRIGOTTO, G. Educação omnilateral. In: CALDART, R. S.; PEREIRA, I. B.; ALENTEJANO, P.; FRIGOTTO, G. (Orgs.). Dicionário da Educação do Campo. São Paulo: Expressão Popular, 2012.

HAMADA, I, A. Práxis, Trabalho e Educação. In: BERNARDES, M. E. M.; BEATÓN, G. A. (Orgs.). Trabalho, Educação e Lazer: contribuições do enfoque histórico-cultural para o desenvolvimento humano. São Paulo: Escola de Artes, Ciências e Humanidades, 2017.

LEONTIEV, Alexei. O desenvolvimento do psiquismo. 2. ed. São Paulo, SP: Centauro, 2004.

MARTINS, L. M. A formação social da personalidade do professor: um enfoque vigotskiano. 2. ed. Campinas, SP: Autores Associados, 2015.

MARSIGLIA, A. C. G; MARTINS, L.M. A natureza contraditória da educação escolar: tensão histórica entre humanização e alienação. Revista Ibero-Americana de Estudos em Educação, Araraquara, v.13, n.4. p.1697-1710, out./dez, 2018.Disponível em: 10.21723/riaee.unesp.v13.n4.out/dez.2018.10265. Acesso em 02 de maio de 2022

MARX, Karl. Contribuição à crítica da economia política. 2. ed. São Paulo: Expressão Popular, 2008.

MARX, Karl; ENGELS, F. A ideologia alemã. São Paulo, SP: Martins Fontes, 2001.

MÉSZÁROS, I. A educação para além do capital. 2. ed. São Paulo, SP: Boitempo, 2008.

RAPOSO, Geizi Kelly Floriano. Presença do Movimento dos trabalhadores Rurais Sem Terra em processos formativos no contexto da Licenciatura em Educação do Campo na Universidade Federal de Mato Grosso do Sul. Dissertação (Mestrado em Educação) Universidade Federal de Mato Grosso do Sul. 2021, p.177. Disponível em: https://repositorio.ufms.br/handle/123456789/3887 Acesso em: 02 de maio de 2023

SANTOS NETO. J. L.; BEZERRA, M. C. S. Pedagogia Histórico-crítica e Educação no Campo: História, desafios e perspectivas atuais. São Carlos: Pedro e João Editores e Navegando, 2016.

SAVIANI, Dermeval. Pedagogia Histórico-Crítica na Educação do Campo. In: BASSO, J. D;

SAVIANI, Dermeval. Pedagogia Histórico-Crítica: primeiras aproximações. 11. ed. Campinas, SP: Autores Associados, 2013.

Downloads

Publicado

29/05/2024
Métricas
  • Visualizações do Artigo 87
  • pdf downloads: 39

Como Citar

FLORIANO RAPOSO, G. . K.; PIATTI, C. B. Formação de professores e educação do campo: Contribuições da Teoria Histórico-Cultural e da Pedagogia Histórico-Critica: Teacher training and rural education: Contributions of Historical-Cultural Theory and Historical-Critical Pedagogy. Revista Cocar, [S. l.], v. 20, n. 38, 2024. Disponível em: https://periodicos.uepa.br/index.php/cocar/article/view/8001. Acesso em: 12 jul. 2024.

Artigos mais lidos pelo mesmo(s) autor(es)

Artigos Semelhantes

1 2 > >> 

Você também pode iniciar uma pesquisa avançada por similaridade para este artigo.