As contribuições da Sociologia da Infância para as pesquisas da Educação Física com crianças

The contributions of Childhood Sociology to Physical Education research with children

Autores

Palavras-chave:

Crianças, Sociologia da Infância, Educação Física

Resumo

Tem por objetivo analisar como os pressupostos teórico-metodológicos da Sociologia da Infância têm mobilizado as pesquisas da Educação Física com crianças em contextos formais e não-formais de educação. Trata-se de um estudo bibliográfico que utilizou artigos, dissertações e teses provenientes das produções acadêmico-científicas produzidas pelo Núcleo de Aprendizagens com as Infâncias e seus Fazeres, da UFES, entre os anos de 2012 e 2023. Os conceitos de entrada reativa, adulto atípico, cultura de pares, reprodução interpretativa e escuta sensível são apropriados pelos pesquisadores para reconhecer e dar visibilidade às produções infantis, às suas agências e práticas autorais. Ao operar com estes conceitos, as pesquisas analisadas buscam afirmar o compromisso ético, político e estético com as crianças, pois, procuram retirá-las da condição de invisibilidade e subalternidade social.

Palavras-chave: Crianças; Sociologia da Infância; Educação Física.

 

Abstract

It aims to analyze how the theoretical-methodological assumptions of the Sociology of Childhood have mobilized Physical Education research with children in formal and non-formal educational contexts. This is a bibliographic study that used articles, dissertations and theses from academic-scientific productions produced by the Center for Learning with Childhood and Their Practices, at UFES, between the years 2012 and 2023. The concepts of reactive entry, adult atypical, peer culture, interpretative reproduction and sensitive listening are appropriated by researchers to recognize and give visibility to children's productions, their agencies and authorial practices. When operating with these concepts, the research analyzed seeks to affirm the ethical, political and aesthetic commitment to children, as they seek to remove them from the condition of invisibility and social subalternity.

Keywords: Children; Sociology of Childhood; Physical education.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Jardielly Alencar Vasconcelos Martins, Universidade Federal do Espírito Santo

Doutoranda em Educação Física pela Universidade Federal do Espírito Santo (UFES).  Email: diellyalencar30@gmail.com.  Orcid: https://orcid.org/0000-0001-6615-1870

Laura Helmer Trindade, Universidade Federal do Espírito Santo (UFES)

Mestranda em Educação Física pela Universidade Federal do Espírito Santo (UFES). Email: laurahelmer@hotmail.com   Orcid: https://orcid.org/0000-0003-0802-9353

Gabriel Maroquio Zandomenighe da Silva, Universidade Federal do Espírito Santo (UFES)

Mestrando em Educação Física pela Universidade Federal do Espírito Santo (UFES). Email: gabrielpcae@gmail.com.  Orcid:https://orcid.org/0000-0001-6534-0477

Leisiane Gomes Dias, Universidade Federal do Espírito Santo (UFES)

Doutoranda em Educação Física pela Universidade Federal do Espírito Santo (UFES). Email: leisiane773@gmail.com. Orcid: https://orcid.org/0009-0003-0346-1371

André da Silva Mello, Universidade Federal do Espírito Santo (UFES)

Doutor em Educação Física pela Universidade Gama Filho (UGF). Email: andremellovix@gmail.com

Orcid: https://orcid.org/0000-0003-3093-4149

Referências

ABRAMOWICZ, A. Sociologia da Infância: traçando algumas linhas. Contemporânea-Revista de Sociologia da UFSCar, v. 8, n. 2, p. 371-383, 2018. Disponível em: https://www.researchgate.net/publication/330209074_Sociologia_da_Infancia_tracando_algumas_linhas. Acesso em: 14 jun. 2023.

ABRAMOWICZ, A.; OLIVEIRA, F. A sociologia da infância no Brasil: uma área em construção. Educação UFSM, v. 35, n. 01, p. 39-52, 2010. Disponível em: http://educa.fcc.org.br/scielo.php?pid=S1984-64442010000100004&script=sci_abstract. Acesso em: 19 dez. 2023.

BARBOSA, R. F. M. Hibridismo brincante: um estudo sobre as brincadeiras lúdico-agressivas na Educação Infantil. 2018. 326f. Tese (Doutorado em Educação Física) – Centro de Educação Física e Desportos, Universidade Federal do Espírito Santo, Vitória, ES, 2018.

BRASIL. Constituição da República Federativa do Brasil de 1988. Promulgada em 5 de outubro de 1988. Diário Oficial da União, Brasília, DF, 5 out. 1988. Disponível em: https://www.planalto.gov.br/ccivil_03/constituicao/constituicao.htm. Acesso em: 31 de jul. 2023.

BRASIL. Decreto 99.710, de 21 nov. de 1989. Convenção sobre os Direitos das Crianças. Brasília, DF: Senado Federal: Centro Gráfico, 1989.

BRASIL. Lei 8.069, de 13 de julho de 1990. Dispõe sobre o Estatuto da Criança e do Adolescente e dá outras providências. Diário Oficial da União, Brasília, 16 jul. 1990.

BRASIL. Ministério da Educação. Secretaria de Educação Fundamental. Referencial Curricular Nacional para a Educação Infantil. Brasília, 1998.

BRASIL. Ministério da Educação. Diretrizes Curriculares Nacionais para a Educação Infantil. Brasília: CNE/CEB, 2009.

BRASIL. Ministério da Educação. Base Nacional Comum Curricular. Brasília: MEC, 2017.

CORSARO, W. Entrada no campo, aceitação e natureza da participação nos estudos etnográficos com crianças pequenas. Educação & Sociedade, v. 26, p. 443-464, 2005. Disponível em: https://www.scielo.br/j/es/a/HkDSKzZZJKdsSFtqBHmZxbF/?format=pdf&lang=pt. Acesso em: 20 mai. 2023.

COHN, C. Antropologia da criança. São Paulo: Editora Schwarcz-Companhia das Letras, 2005.

CORSARO, W. Reprodução interpretativa e cultura de pares. In: MULLER, F.; CARVALHO, A. M. A. (Org.). Teoria e prática na pesquisa com crianças: diálogos com William Corsaro. São Paulo: Cortez, 2009. p. 31-50.

CORSARO, W. Sociologia da infância. 2. ed. Porto Alegre: Artmed, 2011.

DAHLBERG, G.; MOSS, P.; PENCE, A. Qualidade na educação infantil da primeira infância: perspectivas pós-modernas. Porto Alegre: Artmed. 2003.

DELGADO, A. C. C.; MÜLLER, F. Abordagens etnográficas nas pesquisas com crianças. In: CRUZ, S.H.V. (org.). A criança fala: a escuta de crianças específica. São Paulo: Cortez, 2008. P. 141-157.

DUARTE, L. C. Educação física cultural na educação infantil: imagens narrativas produzidas com professoras e crianças nos/dos/com os cotidianos de uma EMEI paulistana. 2021. 384f. Tese (Doutorado em Educação) - Universidade de São Paulo, São Paulo, SP, 2021.

DUARTE, L. C.; NEIRA, M. G. Educação física na educação infantil: um balanço das dissertações e teses da última década. Didática Sistêmica, Rio Grande, v. 23, n. 1, p. 16–34, dez. 2021. Disponível em: https://periodicos.furg.br/redsis/article/view/12886. Acesso em: 13 jul. 2023.

EWALD, A. S. A prática pedagógica da Educação Física com a Educação Infantil: diálogos entre a Sociologia da Infância e o Comportamento Motor. 2021. 154 f. Dissertação (Mestrado em Educação Física) – Centro de Educação Física e Desportos, Universidade Federal do Espírito Santo, Vitória, ES, 2021.

FARIAS, U. S.; NOGUEIRA, V. A.; SOUZA, C. A.; MALDONADO, D. T. Educação Física escolar no ensino fundamental: o planejamento participativo na organização didático-pedagógica. Rev. Motrivivência. Florianópolis, v. 31, n. 58, e55270, abr. 2019. Disponível em: https://periodicos.ufsc.br/index.php/motrivivencia/article/view/2175-8042.2019e55270. Acesso em: 25 de jun. 2023.

FAVERO, R. F. Desafios e possibilidades para a mediação pedagógica com as danças populares no contexto da Educação Infantil. 2022. 155 f. Dissertação (Mestrado em Educação Física) - Centro de Educação Física e Desportos, Universidade Federal do Espírito Santo, Vitória, ES, 2022.

FRANCO. F. M.; ZANDOMÍNGUE. B. A. C.; MELLO, A. S. Protagonismo das crianças nas práticas pedagógicas da Educação Física com o teatro, a brincadeira e a contação de história na Educação Infantil. Cadernos RCC#33, Brasília, v. 10. n 1, p. 211-223, mai. 2023. Disponível em: https://periodicos.se.df.gov.br/index.php/comcenso/article/view/1580/971. Acesso em: 18 mai. 2023.

GALVÃO, E. R. Relações pedagógicas da Educação Física com crianças e adolescentes em tratamento oncológico. 2019. 162 f. Mestrado (Mestrado em Educação Física) - Centro de Educação Física e Desportos, Universidade Federal do Espírito Santo, Vitória, ES, 2019.

GUIMARÃES, V. Dinâmica curricular no cotidiano da educação infantil: um olhar a partir das práticas pedagógicas com a educação física. 2018. 219 f. Dissertação (Mestrado em Educação Física) – Centro de Educação Física e Desportos, Universidade Federal do Espírito Santo, Vitória, ES, 2018.

LEITE, I. Sociologia da Infância: campo científico, passos e percalços. Educação, v. 46, n. 1, 2023. Disponível em: https://revistaseletronicas.pucrs.br/index.php/faced/article/view/44560. Acesso em: 23 jan. 2024.

MARTINS, R. L. R.; SCOTTA, B. A.; MELLO, A. S. PIBID, Educação infantil e Educação Física: práticas pedagógicas centradas nas crianças. Nuances, Presidente Prudente, v. 27, n. 1, p. 46-66, jan/abr. 2016. Disponível em: https://revista.fct.unesp.br/index.php/Nuances/article/view/3967. Acesso em: 8 ago. 2023.

MAZZEI, V. R. Imagens, infâncias e educação em foco: Análise de produções culturais sobre, para e pelas crianças. 2021. 181 f. Tese (Doutorado em Educação Física) - Centro de Educação Física e Desportos, Universidade Federal do Espírito Santo, Vitória, ES, 2021.

MELLO, A. S.; BARBOSA, R. F. M.; MARTINS, R. L. R. Crianças como praticantes do cotidiano: uma perspectiva metodológica para produção de conhecimentos com as infâncias. Revista Diálogo Educacional, v. 23, n. 77, p. 861–873, ago, 2023. Disponível em: http://educa.fcc.org.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S1981-416X2023000200861&lng=pt&nrm=iso. Acesso em: 13 jul. 2023.

MELLO, A. S.; MARCHIORI, A. F.; BOLZAN, E.; KLIPPEL, M. V.; ROCHA, M. C.; MAZZEI, V. R. Por uma perspectiva pedagógica para a educação física com a educação infantil. Humanidades e Inovação. Palmas, v. 7, n. 10, p. 326-342, abr. 2020. Disponível em: https://revista.unitins.br/index.php/humanidadeseinovacao/article/view/2868. Acesso em: 10 jun. 2023.

MELLO, A. S.; TRINDADE, L. H.; GALVÃO, E. R.; PIMENTEL, G. G. A. O brincar e a criança em tratamento oncológico: relações para além da dimensão terapêutica. Licere. Belo Horizonte, v. 24, n. 2, p. 97-119, jun. 2021. Disponível em: https://periodicos.ufmg.br/index.php/licere/article/view/34867. Acesso em: 10 jun. de 2023.

MELLO, A. S.; ZANDOMINEGUE, B. A. C.; BARBOSA, R. F. M.; MARTINS, R. L. D. R.; SANTOS, W. A educação infantil na Base Nacional Comum Curricular: pressupostos e interfaces com a Educação Física. Motrivivência, Florianópolis, v. 28, n. 48, p. 130-149, set. 2016. Disponível em: https://periodicos.ufsc.br/index.php/motrivivencia/article/view/2175-8042.2016v28n48p130. Acesso em: 15 abr. 2023.

MELLO A. S.; ZANDOMINEGUE, B. A. C.; VIEIRA, A. O.; SILVA, A. C.; ASSIS, L. C.; BARBOSA, R. F. M.; MARTINS, R. L. D. R. Pesquisas com crianças na Educação Infantil: diálogos interdisciplinares para produção de conhecimentos. Motrivivência. Florianópolis, v. 27, p. 1-16, set, 2015. Disponível em: https://periodicos.ufsc.br/index.php/motrivivencia/article/view/2175-8042.2015v27n45p28. Acesso em: 3 jul. 2023.

QUINTEIRO, J. Sobre a emergência de uma sociologia da Infância: contribuições para o debate. Perspectiva, Florianópolis, v. 20, n. esp., p. 137-162, jul./ dez. 2002. Disponível em: https://periodicos.ufsc.br/index.php/perspectiva/article/view/10282. Acesso em: 19 dez. 2023.

QVORTRUP, J. A infância enquanto categoria estrutural. Educação e Pesquisa, v. 36, n. 2, p. 631–644, maio 2010. Disponível em: https://www.scielo.br/j/ep/a/M9Z53gKXbYnTcQVk9wZS3Pf/. Acesso em: 8 ago. 2023.

ROCHA, E. A. C. Por que ouvir as crianças? Algumas questões para um debate científico multidisciplinar. In: Cruz, S. H. V. (org.) A criança fala: a escuta de crianças em pesquisas. São Paulo: Cortez, 2008. p. 43-51.

SARMENTO. M. J. As culturas da infância nas encruzilhadas da segunda modernidade. In: SARMENTO, M. P; CERISARA, A. B. (Org.). Crianças e miúdos: perspectivas sociológicas da infância e educação. Porto: Asa Editores, 2004. p. 9- 34.

SARMENTO, M. J. Sociologia da infância: correntes e confluências. In: SARMENTO, Manuel Jacinto; GOUVEA, Maria Cristina Soares de. (Org.). Estudos da Infância: Educação e práticas sociais. Petrópolis: Vozes. 2008.

SARMENTO, M. J. A sociologia da infância e a sociedade contemporânea: desafios conceituais e praxeológicos. In: ENS, R. T.; GARANHANI, M. C. (org.). Sociologia da infância e a formação de professores. Curitiba: Ed Champagnat, p. 13-46. 2013.

SCOTTA, B.A. et al. A valorização das produções culturais das crianças nas aulas de educação física: análises de narrativas docentes. Educación Física y Ciência, Ensenada, v. 22, n. 1, p. 120, 2020. Disponível em: https://www.redalyc.org/journal/4399/439963095012/html/. Acesso em: 27 dez. 2023.

TOMÁS, C. Para além de uma visão dominante sobre as crianças pequenas: gramáticas críticas na educação de infância. Revista Humanidades e Inovação, v. 4, p. 13-20, 2017. Disponível em: https://repositorio.ipl.pt/handle/10400.21/7045. Acesso em: 12 fev. 2023.

TRINDADE, L. H. Pressupostos teóricos e pedagógicos para a mediação da educação física com crianças em tratamento oncológico. 2021. 128 f. Dissertação (Mestrado em Educação Física) - Centro de Educação Física e Desportos, Universidade Federal do Espírito Santo, Centro de Educação Física e Desportos, Vitória, 2021.

ZANDOMÍNEGUE, B. A. C. As produções culturais das crianças como eixo de articulação curricular da educação física com a educação infantil. 2018. 342 f. Tese (Doutorado em Educação Física) - Centro de Educação Física e Desportos Universidade Federal do Espírito Santo, Centro de Educação Física e Desportos, Vitória/ES, 2018.

ZANDOMÍNEGUE, B. A. C.; BARBOSA, R. F. M.; MELLO, A. da S. Participação-escuta das crianças na Educação Infantil. Research, Society and Development, S. l., v. 9, n. 7, p. e06973758, 2020. Disponível em: https://rsdjournal.org/index.php/rsd/article/view/3758/3183. Acesso em: 27 dez. 2023.

Downloads

Publicado

02/06/2024
Métricas
  • Visualizações do Artigo 72
  • pdf downloads: 77

Como Citar

ALENCAR VASCONCELOS MARTINS, J.; HELMER TRINDADE, L.; MAROQUIO ZANDOMENIGHE DA SILVA, G.; GOMES DIAS, L.; DA SILVA MELLO, A. As contribuições da Sociologia da Infância para as pesquisas da Educação Física com crianças: The contributions of Childhood Sociology to Physical Education research with children. Revista Cocar, [S. l.], v. 20, n. 38, 2024. Disponível em: https://periodicos.uepa.br/index.php/cocar/article/view/8115. Acesso em: 13 jul. 2024.