O lixo eletrônico no contexto da Educação Ambiental, seu histórico e suas consequências

Autores

Resumo

O presente artigo refere-se ao histórico e às consequências da temática “lixo eletrônico” no contexto da Educação Ambiental. Este tipo de lixo é um problema que se agrava ao longo dos anos como consequência do capitalismo que instiga a mídia a fazer propagandas acerca de produtos novos gerando assim o consumo exacerbado desses eletrônicos e pela inovação da tecnologia que suscita a obsolescência programada. O lixo eletrônico pode trazer sérias consequências ao meio ambiente, à saúde humana e a toda a biosfera, por isso é necessário destinar este resíduo de maneira ambientalmente correta, ou seja, encaminhar estes materiais que estão obsoletos ou fora de uso para a logística reversa, ou fazer a sua doação ou venda para outros consumidores.

Abstract

This article refers to the history and consequences of the theme “electronic waste” in the context of Environmental Education. This type of garbage is a problem that has worsened over the years as a result of capitalism which instigates the media to advertise about new products, thus generating the exacerbated consumption of these electronics and by the innovation of technology that arouses the programmed obsolescence. Electronic waste may result in serious consequences for the environment, human health and all biosphere, so it is necessary to allocate this waste in an environmentally correct manner, that is, forward these materials that are obsolete or out of use to reverse logistics, or make their donation or sale to other consumers.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Talita Fraguas, Universidade Tecnológica Federal do Paraná.

Mestre em Ensino de Ciências e Matemática, com graduação em Ciências Biológicas, atualmente professora da Rede Estadual de Ensino do Paraná.

Carlos Eduardo Fortes Gonzalez

Professor Titular da UTFPR - Universidade Tecnológica Federal do Paraná, Campus Curitiba, Departamento de Química & Biologia. Biólogo. Docente na área de Ciências ambientais. Doctor en Educación, UDE - Universidad de la Empresa, Montevideo, Uruguay (Reconhecido como equivalente ao título de Doutor em Educação pela UFRGS - Universidade Federal do Rio Grande do Sul, Porto Alegre-RS). Pós-doutorado no PPGECT - Programa de Pós-graduação em Ensino de Ciência e Tecnologia na UTFPR, Campus Ponta Grossa. Mestre em Tecnologia & Sociedade pela UTFPR, Campus Curitiba. Especialista em Educação Ambiental e Especialista em Planejamento e Gerenciamento Ambientais pelo Conselho Regional de Biologia da 7.ª Região. Especialista em Ensino de Ciências Biológicas pelo Conselho Regional de Biologia da 3.ª Região. Especialista em Magistério Superior pela Universidade Tuiuti do Paraná. Aperfeiçoamento: Treinamento Avançado em Gestão Ambiental pela Carl Duisberg Gesellschaft - Hamburgo, Alemanha. Graduado em Ciências Biológicas pela UFPR - Universidade Federal do Paraná, Curitiba. Professor permanente do PPGFCET - Programa de Pós-graduação em Formação Científica, Educacional e Tecnológica da UTFPR (Mestrado e Doutorado profissional em Ensino de Ciências), do qual é um dos fundadores (Disciplinas de Meio Ambiente e Educação e Elementos de Desenvolvimento Sustentável). Professor de Ciências do Ambiente nas Engenharias e outras graduações. Pesquisador na área de Estudos socioambientais com ênfase em Educação Ambiental, Ciências ambientais, Ensino de Ciências e meio ambiente, Formação de professores de Ciências, socioecologia e gestão ambiental, atuando no âmbito de Ensino, Pesquisa e Extensão. Participante de Grupos de Pesquisa: Gestão Ambiental, Educação Ambiental e Ensino (UTFPR); Ecologia & Desenvolvimento (UTFPR) e Formação de Professores (UNICENTRO - Universidade Estadual do Centro-Oeste do Paraná). Representante internacional dos Professores brasileiros (International Delegate) na Space Week, NASA - National Aeronautics and Space Administration. Space Academy for educators, US Space & Rocket Center. Huntsville, Alabama, EUA. Coordenador em Gestão Ambiental e Coordenador de Qualidade e Auditor Interno (Projeto CEFET-PR / GTZ), Centro Federal de Educação Tecnológica do Paraná e GTZ - Deutsche Gesellschaft für Technische Zusammenarbeit GmbH (Alemanha). Foi Implementador e Responsável pelo NUSMA - Núcleo de Saúde & Meio Ambiente da UTFPR no Campus Curitiba; Instrutor de SMS (Segurança, Meio Ambiente e Saúde) certificado pela UTFPR - Campus Curitiba para a formação dos colaboradores das obras de expansão da REPAR (Refinaria Presidente Getúlio Vargas - Petrobras) em Araucária - PR; Professor orientador do PDE - Programa de Desenvolvimento Educacional (Cooperação entre a Secretaria Estadual de Educação do Paraná e a UTFPR) e do Projeto Escola & Universidade (Cooperação entre a Secretaria Municipal de Educação da Prefeitura de Curitiba e a UTFPR). 

Downloads

Publicado

01/09/2020
Métricas
  • Visualizações do Artigo 2200
  • pdf downloads: 1588

Como Citar

FRAGUAS, T.; GONZALEZ, C. E. F. O lixo eletrônico no contexto da Educação Ambiental, seu histórico e suas consequências. Revista Cocar, [S. l.], v. 14, n. 30, 2020. Disponível em: https://periodicos.uepa.br/index.php/cocar/article/view/3286. Acesso em: 20 maio. 2024.

Edição

Seção

Artigos