Povo kanindé de Aratuba-CE: história, afirmação étnico-cultural e educação

Autores

  • Antônio Roberto Xavier roberto@unilab.edu.br
    Unilab
  • José Gerardo Vasconcelos gerardo.vasconcelos@bol.com.br
    UFC

Resumo

Objetiva-se demonstrar traços étnico-culturais identitários e aspectos educacionais indígenas dos descendentes do povo Kanindé da localidade de Fernandes, Aratuba, Ceará, Brasil. O problema norteador da pesquisa desponta da histórica tentativa eurocêntrica de apagar, ofuscar e/ou destruir o legado cultural de nossos ancestrais indígenas. Metodologicamente trata-se de um estudo empírico, descritivo-exploratório e de abordagem qualitativa. Como procedimento técnico, utiliza-se o estudo de caso etnográfico. Quanto às técnicas de geração de dados, adotam-se documentos, cadernos/notas de campo com observações diretas, entrevistas, registro de fatos, fotografias, vídeos e artefatos de uso cotidiano do povo indígena Kanindé. Como fundamento teórico-epistemológico, acolhem-se autores como Certeau (1994), Chartier (1990), Geertz (1978), Grando (2010) e Ribeiro (1983). Conclui-se que o povo Kanindé resiste, preserva e mantém viva sua identidade étnico-cultural.

Palavras-chave: Povo Kanindé. Identidade étnico-cultural. Educação.

Kanindé People of Aratuba-CE: history, ethnic-cultural affirmation and education

Abstract

It aims to demonstrate ethnic-cultural identity traits and indigenous educational aspects of the descendants of the Kanindé people from Fernandes, Aratuba, Ceará, Brazil. The guiding problem of research emerges from the historic Eurocentric attempt to erase, obfuscate, and/or destroy the cultural legacy of our native ancestors. Methodologically this is an empirical, descriptive-exploratory and qualitative approach. As a technical procedure, the ethnographic case study is used. Regarding data generation techniques, documents, notebooks/field notes with direct observations, interviews, record of facts, photographs, videos and daily use artifacts of the Kanindé indigenous people were adopted. As a theoretical-epistemological foundation of this research, authors such as Certeau (1994), Chartier (1990), Geertz (1978), Grando (2010), and Ribeiro (1983). It is concluded that the Kanindé people resist, preserve and keep alive their ethnic-cultural identity.

Keywords: Kanindé people. Ethnic-cultural identity. Education.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Antônio Roberto Xavier, Unilab

Pós-Doutor em Educação pela Universidade Federal da Paraíba (UFPB). Professor permanente do Mestrado Acadêmico em Sociobiodiversidade e Tecnologias Sustentáveis (Masts) e do curso de graduação em Administração Pública, ambos da Universidade da Integração Internacional da Lusofonia Afro-Brasileira (Unilab). Líder do grupo de pesquisa Gestão de Políticas Sociais (GPS) da Unilab, vinculado ao Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico (CNPq). E-mail: roberto@unilab.edu.br

José Gerardo Vasconcelos, UFC

Pós-Doutor em História da Educação pela Universidade Federal do Rio Grande do Norte (UFRN) e pela Universidade Federal da Paraíba (UFPB) e em Artes Cênicas pela Universidade Federal da Bahia (UFBA). Professor titular da Faculdade de Educação e do Programa de Pós-Graduação em Educação Brasileira da Universidade Federal do Ceará (UFC). Coordenador do Núcleo de História e Memória da Educação (Nhime). E-mail: gerardo.vasconcelos@bol.com.br

Downloads

Publicado

04/11/2018
Métricas
  • Visualizações do Artigo 281
  • PDF downloads: 417

Como Citar

XAVIER, A. R.; VASCONCELOS, J. G. Povo kanindé de Aratuba-CE: história, afirmação étnico-cultural e educação. Revista Cocar, [S. l.], v. 12, n. 24, p. 472–500, 2018. Disponível em: https://periodicos.uepa.br/index.php/cocar/article/view/1956. Acesso em: 23 jun. 2024.

Edição

Seção

Artigos

Artigos mais lidos pelo mesmo(s) autor(es)