Corpo in cena: o pulsar da corporeidade aprendente nas aulas de teatro

Body in scene: the pulsar of learning corporeity in theater classes

Autores

Resumo

Este trabalho objetivou conhecer e analisar como as aulas de um curso livre de teatro contribuem para a percepção e compreensão do corpo/corporeidade aprendente. O estudo apresenta-se dentro da abordagem qualitativa, com o objetivo descritivo, utilizando como instrumento uma entrevista estruturada com três perguntas geradoras realizadas por meio do aplicativo WhatsApp e analisadas à luz da Técnica de Análise de Unidades de Significado (MOREIRA; SIMÕES; PORTO, 2005). Os resultados apontaram para a concepção de corpo pautada em “Movimento/motricidade”. No entanto, os alunos se sentem numa perspectiva de “Limitações” durante as aulas. Por outro lado, as aulas contribuíram para que pudessem reconhecer o processo de transição do corpo-objeto para o corpo-sujeito.  Assim, reconhecemos o valor e a importância que as aulas de teatro possuem como espaço educativo, contribuidor e existencial para as manifestações sensíveis da corporeidade aprendente dos alunos, quando estas provocam desafios dos participantes serem quem são.

Palavras-chave: Corpo; Corporeidade; Expressividade.

 

Abstract:

This work aimed to know and analyze how the classes of a free theater course contribute to the perception and understanding of the body/body-learning body. The study is presented within the qualitative approach, with the descriptive objective, using as an instrument a structured interview with three generating questions performed through the WhatsApp application and analyzed in the light of the Meaning Units Analysis Technique (MOREIRA; SIMONS; PORTO, 2005). The results pointed to the conception of body based on "Movement/motricity". However, students feel at a "Limitations" perspective during classes. On the other hand, the classes contributed so that they could recognize the process of transition from body-object to body-subject. Thus, we recognize the value and importance that theater classes have as an educational, contributing and existential space for the sensitive manifestations of the students' learning corporeity, when they provoke challenges of the participants to be who they are.

Keywords: Body; Corporeity; Expressivity

Biografia do Autor

Janete Luiza Bartonelli, Universidade Federal do Triângulo Mineiro

Bacharel em Educação Física pela Universidade Federal do Triângulo Mineiro (UFTM), Instrutora de Pilates pela Virtus Cursos. Instrutora de Pilates e Treinamento Funcional no Studio Corpo In Foco e Instrutora de Oficinas na Associação de apoio aos Autistas - Laço Azul - Uberaba/MG.  Email: luizabartonelli@gmail.com Orcid: 0000-0003-1557-6136

 

José Carlos dos Santos, Universidade Federal do Triângulo Mineiro

Doutorando em Educação pelo Programa de Pós-Graduação em Educação da Universidade Federal do Triângulo Mineiro (PPGE/UFTM), Mestre em Educação Física (PPGEF/UFTM), Especialista em Docência em Educação Inclusiva (IFMG), licenciado em Educação Física (UFPI). Professor substituto no Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia de São Paulo - Campus Barretos, pesquisador membro do Núcleo de Estudos e Pesquisa em Corporeidade e Pedagogia do Movimento – NUCORPO. Email: jcprofedf@gmail.com  Orcid: 0000-0003-0283-0289

 

Downloads

Publicado

22/06/2022

Edição

Seção

Artigos