Atendimento educacional especializado: análise das práticas pedagógicas com a mediação de tecnologias digitais no cotidiano escolar

Specialized educational service: analysis of pedagogical practices with the mediation of digital Technologies in the everyday school routine

Autores

DOI:

10.31792/rc.v20i38.7804

Resumo

O Atendimento Educacional Especializado (AEE) à pessoa com deficiência, com transtornos globais do desenvolvimento e com altas habilidades ou superdotação é um dos principais espaços e processos político-pedagógicos da Educação Especial. A questão investigada é: Como professores de apoio especializado da rede municipal de ensino do município de São Gonçalo/RJ compreendem as TICs como instrumento mediador de práticas pedagógicas inclusivas no cotidiano escolar? A hipótese proposta é que os professores do AEE consideram a importância das TICs nas práticas pedagógicas inclusivas, porém necessitam de instrumentos teórico-práticos para utilização com mais eficácia dessas tecnologias digitais, no cotidiano escolar. Para tanto, foi empregado um desenho metodológico qualitativo composto por rodas de conversa com professores de duas escolas da citada rede de ensino, e análise de conteúdo.

Palavras-chave: Atendimento Educacional Especializado; Educação Especial; Tecnologias da Informação e da Comunicação.

 

ABSTRACT 

The Specialized Educational Assistance (SEA) for people with disabilities, with global developmental disorders and with high abilities or giftedness is one of the main political-pedagogical spaces and processes of special education. The question investigated is: How does specialized support teachers from the municipal education network at the city of São Gonçalo/RJ understand ICTs as a mediating instrument for inclusive pedagogical practices in everyday school life? The proposed hypothesis is that SEA teachers consider the importance of ICTs in inclusive pedagogical practice, but they need theoretical-practical instruments to use these digital techologies more effectively in everyday school life. To this end, a qualitative methodogical design was used, consisting of conversation circles with teachers from two school of the education network mentioned before and through analysis of content.

Keywords: Specialized Educational Service; Especial Education; Information and Communication Technologies.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Liana de Carvalho Pessôa , UNESA

Mestre em Educação pela UNESA. Orientadora Educacional da Prefeitura Municipal de São Gonçalo (RJ). Especialista em Docência do Ensino Superior - UFRJ (2002) e Raça, etnia e educação no Brasil - UFF (2003). Graduada em Pedagogia pela UFF (1998).

Adriana Maria de Assumpçãp, Universidade Estácio de Sá /UNESA

Doutora em Educação pela UFRJ. Professora do PPGE UNESA/Pesquisadora do Grupo Diaspotics da Escola de Comunicação da UFRJ. Mestre em Tecnologia Educacional pela UFRJ (2007).

Referências

ALVES, N. Criar currículo no cotidiano. 3. ed. São Paulo: Cortez Editora, 2011.

BARDIN, L. Análise de conteúdo. Tradução Luis Antero Reto, Augusto Pinheiro. São Paulo: Edições 70, 2004.

BIESTA, G. Para além da aprendizagem: educação democrática para um futuro humano. Belo Horizonte: Autêntica, 2013.

BRASIL. Ministério da Educação. Base Nacional Comum Curricular. Brasília, 2018.

CUPANI, A. Filosofia da tecnologia: um convite. Florianópolis: Editora da UFSC. 2016.

GATTI, B. A. Formação de professores no Brasil: características e problemas. Educ. Soc., Campinas, v. 31, n. 113, p. 1355-1379, out.-dez. 2010.

NUNES, L. S. et all. A análise da narrativa como instrumento para pesquisas qualitativas. Revista Ciências Exatas. Vol. 23. Nº. 1. 2017.

OLIVEIRA, I. B. de. Epistemologias do Sul e cotidiano escolar: Desaprendizagem, desobediência e emancipação social. Desigualdades. número 28. Ano 8. out/dez, 2020.

ORGANIZAÇÃO DAS NAÇÕES UNIDAS. Declaração de Salamanca sobre Princípios, Políticas e Práticas na Área das Necessidades Educativas Especiais. Espanha/ UNESCO. 1994.

PIMENTA, S.G., GHEDIN, E. Professor reflexivo no Brasil: gênese e crítica de um conceito. São Paulo: Cortez; 2005.

PLETSCH, M. D. GLAT, R.; Inclusão escolar de alunos com necessidades especiais. EDUERJ, 2012.

POKER, R.B. et al. Plano de desenvolvimento individual para o atendimento educacional especializado. São Paulo: Cultura Acadêmica; Marília: Oficina Universitária, 2013.

STAINBACK, S. STAINBACK, W. Inclusão: um guia para os educadores. Porto Alegre: Artmed, 1999.

Downloads

Publicado

29/05/2024
Métricas
  • Visualizações do Artigo 91
  • pdf downloads: 50

Como Citar

DE CARVALHO PESSÔA , L.; DE ASSUMPÇÃP, A. M. Atendimento educacional especializado: análise das práticas pedagógicas com a mediação de tecnologias digitais no cotidiano escolar: Specialized educational service: analysis of pedagogical practices with the mediation of digital Technologies in the everyday school routine . Revista Cocar, [S. l.], v. 20, n. 38, 2024. DOI: 10.31792/rc.v20i38.7804. Disponível em: https://periodicos.uepa.br/index.php/cocar/article/view/7804. Acesso em: 13 jul. 2024.