Formação docente na pandemia: reverberações narrativas e afetações didático-curriculares

La formación docente en la pandemia: reverberaciones narrativas y afectaciones didáctico-curriculares

Autores

Resumo

Este artigo buscou estabelecer um debate sobre o campo da educação, nutrindo-se de narrativas autobiográficas da docência no contexto pandêmico. Partindo de um olhar pós-estruturalista em/na educação, intentou refletir sobre a docência na formação de professores em seus dilemas atuais, desejando, da mesma maneira, pensar sobre os efeitos didático-curriculares da pandemia e processos de resistência contra práticas neoliberais cada vez mais presentes no cotidiano da educação, produzindo corpos precários. Como percurso metodológico, abraçou 4 (quatro) fragmentos narrativos autobiográficos, referentes a atuação docente no período pandêmico. Ao problematizá-los, discutiu-se a evidente precarização dos corpos, além dos efeitos didático-curriculares da realidade pandêmica na vida acadêmica dos estudantes de licenciatura e na formação de professores no Ensino Superior.

Palavras-chave: Pandemia; Narrativas autobiográficas; Formação docente.

 

Resumen

Este artículo pretendió establecer un debate en el ámbito de la educación, nutriéndose de relatos autobiográficos sobre la docencia en el contexto pandémico. A partir de una mirada post-estructuralista en educación, se propuso reflexionar sobre la enseñanza en la formación docente en sus dilemas actuales, queriendo, de la misma forma, pensar los efectos didáctico-curriculares de la pandemia y los procesos de resistencia contra las prácticas neoliberales cada vez más presentes en la educación cotidiana, produciendo cuerpos precarios. Como vía metodológica, abarcó cuatro fragmentos narrativos autobiográficos, referidos a la actuación docente en el período pandémico. Al problematizarlos, se discutió la evidente precariedad de los cuerpos, además de los efectos didáctico-curriculares de la realidad pandémica en la vida académica de los estudiantes de pregrado y en la formación de profesores en la Educación Superior.

Palabras clave: Pandemia; Relatos autobiográficos; Formación de profesores.

 

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Robson Guedes da Silva, Universidade Federal da Paraíba

Professor Adjunto do Departamento de Metodologia da Educação, no Centro de Educação da Universidade Federal da Paraíba (DME-CE/UFPB). Doutor em Educação pela Universidade Federal de Pernambuco (UFPE). Mestre em Educação pela Universidade Federal de Pernambuco (UFPE). Especialista em Educação para Sexualidade pela Universidade Federal do Rio Grande (FURG). Graduado em Pedagogia pela Universidade Federal de Pernambuco (UFPE). Líder do Laboratório de Educação, Processos de Subjetivação e Sexualidades (ELÃ-UFPB/CNPq). Pesquisa nas temáticas: didática, corpo e performance, teoria queer e educação para sexualidade. E-mail: robsonguedes00@hotmail.com

Orcid: https://orcid.org/0000-0003-0165-1430.

 

Downloads

Publicado

02/08/2023
Métricas
  • Visualizações do Artigo 177
  • pdf downloads: 77

Como Citar

SILVA, R. G. da. Formação docente na pandemia: reverberações narrativas e afetações didático-curriculares: La formación docente en la pandemia: reverberaciones narrativas y afectaciones didáctico-curriculares. Revista Cocar, [S. l.], n. 17, 2023. Disponível em: https://periodicos.uepa.br/index.php/cocar/article/view/6472. Acesso em: 13 jul. 2024.

Edição

Seção

Artigos