Narrativas do estágio curricular da licenciatura no ensino remoto emergencial

Narrativas de la licencia pasantía curricular em ensino remoto emergencial

Autores

Resumo

O artigo traz uma discussão sobre a prática de estágio supervisionado no Ensino Remoto Emergencial (ERE) em um colégio de aplicação de uma universidade federal. Objetiva refletir sobre os impactos do ERE, justificado pela pandemia de COVID-19, na realização do estágio curricular, destacando os limites e possibilidades que a condição apresenta para o processo de formação docente. Apropriamo-nos das metodologias autobiográficas para produzir uma narrativa, a partir dos registros do estagiário, sobre suas experiências que permitem pensar como a prática afeta a forma de ver e atuar na educação básica. Buscamos evidenciar os aprendizados do ERE que podem ser levados para o ensino pós-pandemia. A despeito das dificuldades durante o ERE, concluímos que tal contexto se apresentou como uma “situação limite” que possibilitou pensar em um “inédito-viável” em que professores experienciassem outras formas de exercer a docência.

Palavras-chave: Autobiografia; Estágio; Ensino Remoto Emergencial (ERE).

 

Resumen

El artículo trae una discusión sobre la práctica de pasantía en Ensino Remoto Emergencial (ERE) en un colegio de aplicación de una universidad. Objetiva reflexionar sobre los impactos del ERE en la realización de la pasantía curricular, debido a la pandemia de COVID-19, señalando los límites y posibilidades que presenta esa condición para el proceso de formación de maestros. Hicimos uso de las metodologías autobiográficas para producir una narrativa, a partir de los registros del pasante, sobre sus vivencias que permitieran reflexionar cómo la práctica afecta la forma de mirar y actuar en la educación básica y cuáles son los aprendizajes del ERE que se pueden llevar a la enseñanza en el período posterior a la pandemia. Concluimos que tal contexto se presentó como una “situación-límite” permitiendo pensar en un “inédito-viable” en que los profesores en formación experimentasen otras formas de practicar la enseñanza.

Palabras clave: Autobiografía; Prácticas; Ensino Remoto Emergencial (ERE).

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Gustavo Roberto de Lima, Universidade Federal de Juiz de Fora

Mestrando e licenciado em Ciências Sociais pela Universidade Federal de Juiz de Fora. Especialista em Práticas Pedagógicas. E-mail: lima.gustavo@estudante.ufjf.br. Orcid: https://orcid.org/0000-0002-2076-1662.

Beatris Cristina Possato, Instituto Federal de Educação do Sudeste de Minas Gerais

Doutora em Educação. Professora do Instituto Federal de Educação do Sudeste de Minas Gerais, atuando na licenciatura e pós-graduação na instituição. E-mail: bia.possato@ifsudestemg.edu.br. Orcid: https://orcid.org/0000-0003-3678-3572

 

Katiuscia Cristina Vargas Antunes , Universidade Federal de Juiz de Fora

Doutora em Educação. Professora Adjunta do Departamento de Educação da Faculdade de Educação da Universidade Federal de Juiz de Fora. Professora do Programa de Pós-graduação em Educação. E-mail: katiuscia.vargas@educacao.ufjf.br. Orcid: https://orcid.org/0000-0003-2861-551X.

 

Downloads

Publicado

02/08/2023
Métricas
  • Visualizações do Artigo 95
  • pdf downloads: 68

Como Citar

LIMA, G. R. de; POSSATO, B. C.; VARGAS ANTUNES , K. C. Narrativas do estágio curricular da licenciatura no ensino remoto emergencial: Narrativas de la licencia pasantía curricular em ensino remoto emergencial. Revista Cocar, [S. l.], n. 17, 2023. Disponível em: https://periodicos.uepa.br/index.php/cocar/article/view/6260. Acesso em: 19 jul. 2024.

Edição

Seção

Artigos