Pesquisa em Educação: métodos e epistemologias

Investigación en Educación: métodos y epistemologías

Autores

  • Kátia Maria de Moura Evêncio Universidade Estadual do Ceará / doutoranda em educação
  • Giovana Maria Belém Falcão Universidade Estadual do Ceará / Professora https://orcid.org/0000-0003-0995-1614

Resumo

Este escrito apresenta a resenha da obra “Pesquisa em Educação: Métodos e Epistemologias”, de autoria de Sílvio Ancizar Sanchez Gamboa (2018), 3ª edição. Está organizada em dez capítulos, nos quais o autor demonstra as limitações metodológicas da pesquisa que dificultam utilizar os resultados das pesquisas em educação para a transformação da realidade investigada.  O livro tem por objetivo central refletir sobre as limitações advindas de abordagens predominantes nas pesquisas em educação e, para além disso, afirmar os pressupostos do enfoque dialético para favorecer o desenvolvimento de pesquisas que integre o pesquisador à realidade em seu contexto histórico, político e social. Apresenta significativa contribuição para  compreender os elementos e pressupostos epistemológicos, que embora estejam implícitos na prática da pesquisa, a sustentam, norteiam e reverberam no conhecimento científico produzido.

Palavras-chave: Pesquisa em educação; Pressupostos de pesquisa; Dialética.

 

Resumen

Esta reseña es del trabajo “Investigación en Educación: Métodos y Epistemologías”, de Sílvio Sanchez Gamboa (2018), 3ª edición. En diez capítulos, el autor demuestra las limitaciones metodológicas de la investigación que dificultan utilizar los resultados de la investigación en educación para la transformación de la realidad investigada. El objetivo central del libro se revela para reflejar las limitaciones derivadas de estos enfoques y para afirmar los supuestos de la dialéctica como favorecedores del desarrollo de la investigación. El objetivo central del libro se revela para reflejar las limitaciones derivadas de estos enfoques y afirmar los presupuestos de la dialéctica como favorables al desarrollo de investigaciones que integren al investigador con la realidad en su contexto histórico, político y social, siendo el objeto investigado parte que se relaciona con estas dimensiones dinámicas, superando, por tanto, la falsa idea de la neutralidad del investigador, la disociación del objeto investigado de la realidad que lo rodea y del conocimiento fragmentado que imposibilita cambios concretos.

Palabras clave: Investigación en educación; Supuestos de investigación; Dialéctico.

 

Biografia do Autor

Kátia Maria de Moura Evêncio, Universidade Estadual do Ceará / doutoranda em educação

Doutoranda em Educação pela Universidade Estadual do Ceará (PPGGE-UECE). Mestre em Educação pela Universidade Regional do Cariri (MPEDU – URCA). Professora assistente da Universidade Estadual do Piauí. Pesquisadora do grupo de pesquisa Educação, Cultura Escolar e Sociedade (EDUCAS). Áreas de interesse: Formação de Professores, Educação Inclusiva de acadêmicos com espectro do autismo. E-mail: katiamaria@pcs.uespi.br ORCID: https://orcid.org/0000-0003-3070-0086.

Giovana Maria Belém Falcão, Universidade Estadual do Ceará / Professora

Doutora em Educação pela Universidade Estadual do Ceará (UECE). Mestra em Educação Brasileira pela Universidade Federal do Ceará (UFC). Professora da Universidade Estadual do Ceará. Professora do Programa de Pós-Graduação em Educação da UECE. Pesquisadora do grupo de pesquisa Educação, Cultura Escolar e Sociedade (EDUCAS), Áreas de interesse: Formação de Professores, Identidade Docente, Educação Inclusiva. E-mail: giovana.falcao@uece.br. ORCID: https://orcid.org/0000-0003-0995-1614.

 

Downloads

Publicado

01/05/2022

Edição

Seção

Resenhas