Diagnóstico socioterritorial: pensar a emergência de uma educação integral no âmbito das práticas de educação não escolar

Autores

  • Dinora Tereza Zucchetti dinora@feevale.br
  • Eliana Perez Gonçalves de Moura elianapgm@feevale.br
  • Marilene Alves Lemes marilene.lemes@gmail.com

Resumo

Socio-territorial diagnosis: thinking the emergency of integral education under non-school education practices

Resumo

O texto, na modalidade de relato de experiência, reflete sobre a elaboração de um diagnóstico socioterritorial realizado num bairro de periferia na cidade de Novo Hamburgo/RS. Tem, nas equipes da vigilância socioassistencial da Secretaria de Desenvolvimento Social - VS/SDS da cidade, da Organização Não Governamental – ONG Ação Encontro, além de moradores e “amigos críticos” (FOULGER, 2015), protagonistas do modo particular de construir um diagnóstico. O artigo toma como campo de demonstração de dados empíricos, registros de reuniões, desenhos, fotografias, documentos, destacando o processo de produção do diagnóstico, dando ênfase à metodologia Saberes Falados que vem apoiada na ferramenta denominada Mapa Falado (FARIA; FERREIRA NETO, 2006). O relato evidencia um conjunto de singularidade de saberes que consolidam estratégias educativas alternativas. 

Palavras-chave: Diagnóstico Socioterritorial; Metodologia; Educação Não Escolar.

 

Abstract

This paper, using an experience report design, reflects on comprehensive education and social participation by the residents of Santo Afonso, a neighborhood in the municipality of Novo Hamburgo, Rio Grande do Sul, Brazil. The socio-territorial diagnosis has in social workers from the municipal Department of Social Development, staff of a local nongovernmental organization (ONG Ação Encontro), the residents themselves, and “critical friends” (FOULGER, 2015) were identified as protagonists of a unique way to construct a diagnosis. This paper uses meeting minutes, drawings, photographs, and other documents as sources of empirical data. It highlights the process whereby the diagnosis was constructed, with an emphasis on “Saberes Falados” methodology, supported by the so-called “Mapa Falado” instrument (FARIA & FERREIRA NETO, 2006), which revealed a unique set of knowledges that consolidate alternative educational strategies.

Key words:  Socio-territorial Diagnosis; Methodology; Non School Education.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Métricas

Carregando Métricas ...

Biografia do Autor

Dinora Tereza Zucchetti

Doutora em Educação. Pesquisadora Produtividade CNPQ. Professora Titular do Programa de Pós-Graduação em Diversidade Cultural e Inclusão Social da Universidade Feevale - Federação de Estabelecimentos de Ensino Superior em Novo Hamburgo

Orcid: http://orcid.org/0000-0002-7122-10   E-mail: dinora@feevale.br

Eliana Perez Gonçalves de Moura

Doutora em Educação. Professora Titular do Programa de Pós-Graduação em Diversidade Cultural e Inclusão Social da Universidade Feevale - Federação de Estabelecimentos de Ensino Superior em Novo Hamburgo

Orcid: http://orcid.org/0000-0001-7106-07  E-mail: elianapgm@feevale.br

Marilene Alves Lemes

Doutora em Educação. Servidora da Prefeitura Municipal de Novo Hamburgo.

Orcid: http://orcid.org/0000-0003-0345-31             E-mail: marilene.lemes@gmail.com

Downloads

Publicado

05/05/2020
Métricas
  • Visualizações do Artigo 292
  • PDF downloads: 189

Como Citar

ZUCCHETTI, D. T.; DE MOURA, E. P. G.; LEMES, M. A. Diagnóstico socioterritorial: pensar a emergência de uma educação integral no âmbito das práticas de educação não escolar. Revista Cocar, [S. l.], v. 14, n. 29, p. 646–665, 2020. Disponível em: https://periodicos.uepa.br/index.php/cocar/article/view/3401. Acesso em: 2 mar. 2024.

Edição

Seção

Artigos