A interiorização dos Institutos Federais no Brasil como estratégia para expansão do Ensino Superior: um olhar sobre o estado da Bahia

The internalization of Federal Institutes in Brazil as a strategy for the expansion of Higher Education: a look at the state of Bahia

Autores

Resumo

O presente texto tem por objetivo provocar um debate acerca da criação dos Institutos Federais de Educação e Tecnologia (IF) e sua relação com a expansão da Educação Superior pública no Brasil. Busca examinar seus desdobramentos para a diversidade institucional do sistema de ensino superior e em que medida essas instituições podem ou não contribuir para a desconcentração das matrículas no ensino superior brasileiro. Para tanto, realizou uma revisão de literatura e análise de fontes documentais de domínio público, bem como examinou os dados do estado da Bahia para identificar o perfil dos estudantes e quais os cursos mais procurados em um dos institutos federais do estado. Concluiu-se que a criação e expansão dos Institutos Federais, embora se constitua em um modelo diferente da tradicional estrutura universitária brasileira, contribui, por meio da interiorização, para a ampliação do ensino superior público.

Palavras–chave: Educação Superior; Institutos Federais; Interiorização do Ensino Superior.

 

Abstract:

This text aims to provoke a debate about the cration of the Federal Institutes of Education and Technology (IF) and its relationship whit the expansion of public Higher Education in Brazil. It seeks to examine its consequences for the institutional diversity of the higher education system and to what extent these institutions may or may not contribute to the decentralization of enrollments in Brazilian higher education. Therefore, based on a literature review and analysis of documental sources in the public domain, it analyzes data from the state of Bahia and identifies the profile of students and which courses are most sought after in one of the state’s federal institutes. It is concluded that the creation and expansion of Federal Institutes, although constituted in a different model from the traditional Brazilian university structure, contributes, through interiorization, to the expansion of public higher education.

Key words: College Education; Federal Institutes; Internalization of Higher Education.

 

Biografia do Autor

Nádia Batista de Carvalho, UESB

Mestra em Educação pela UESB, Especialista em Gestão Pública pela UNEB, Graduada em Economia pela UESC. Atualmente é professora do Ensino Básico Técnico da Secretária de Educação da Bahia – SEC/BA nos Cursos de Gestão e Negócios no Centro Estadual de Educação Gestão e Tecnologia Álvaro de Melo Vieira – CEEPGTIAMEV- Ilhéus. Professora Bolsista no Programa Qualifica Mais Progredir/Pronatec no Instituto Federal da Bahia – IFBA/Campus Ilhéus. Membro do Grupo de Pesquisa Núcleo de Estudo, Pesquisa e Formação de Professores – NEFOP.

E-mail: nadia.bcarvalho@gmail.com                     Orcid: https://orcid.org/0000-0003-3457-0944

Iracema Oliveira Lima, UESB

Professora do Programa de Pós-Graduação em Educação/PPGED e do Departamento de História/UESB. Doutora em Educação pela UFSCAR e Pós-Doutora em Educação pela UEL. Coordenadora do Grupo de Pesquisa em Política Públicas para Educação Superior.

E-mail: iracema.lima@uesb.edu.br                           Orcid: http://orcid.org/0000-0002-6761-3704

Leila Pio Mororó, UESB

Doutora em educação e docente Plena da Universidade Estadual do Sudoeste da Bahia, onde atua nas licenciaturas e na pós-graduação em educação. Pesquisa políticas educacionais com ênfase nas políticas de formação de professores.

E-mail: leila.mororo@uesb.edu.br                            Orcid: https://orcid.org/0000.0001.9074-5257

Downloads

Publicado

14/06/2022

Edição

Seção

Artigos