Desordem Planejada como política para a Educação: análise das ações e silenciamentos da SEEDUC-RJ para a EJA na pandemia (2020)

Disorder Planned as a Policy for Education: analysis of actions and silencing of SEEDUC-RJ for Adult and Youth Education during COVID-19 pandemic (2020)

Autores

Resumo

O presente artigo expõe reflexões sobre as políticas públicas para a Educação de Jovens e Adultos pela Secretaria Estadual de Educação do Rio de Janeiro no contexto do primeiro ano da pandemia de COVID-19. Esse movimento de pesquisa se alicerçou nas publicações desta instituição nos Diários Oficiais do Estado do Rio de Janeiro e, dada as especificidades deste corpus documental, optamos por uma análise que permitisse uma aproximação com as diretrizes oficiais e um mapeamento da temporalidade em que se deu a atuação do agente público para com a modalidade e seus sujeitos. Notamos um verdadeiro “apagão” nas diretrizes do Estado – um período sem orientações claras – que impactou diretamente na manutenção da modalidade e seus objetivos e princípios educativos.

Palavras-chave: Educação de Jovens e Adultos; Educação à distância; Diários Oficiais

 

Abstract

This article exposes reflections on public policies designed for Youth and Adult Education by the State Department of Education of Rio de Janeiro in the context of the first year of the COVID-19 pandemic. This research movement was based on the publications of this institution in the Official Gazettes of the State of Rio de Janeiro and, thinking about the specificity of this documental corpus, we opted for a analysis that would allow an approximation with the guidelines of the temporal map in the sense of power that took place. the performance of the public agent for the modality and its public. We noted a “blackout” in the State's guidelines - a period without clear orientations - which directly impacted the maintenance of the modality and its educational objectives and principles.

Key-words:  Youth and Adult Education; Distance Education; Official Gazettes

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Ana carolina Oliveira Alves

Bacharel e licenciada em história (UFRJ), mestre e doutoranda  na mesma área (UNICAMP). e-mail: anacarolinaoa@hotmail.com orcid: https://orcid.org/0000-0002-6987-5433

 

Henrique Dias Sobral Silva, Universidade Federal de Minas Gerais

Bacharel e licenciado em história (UFRJ), mestre (UFRRJ) e doutorando na mesma área (UFMG). e-mail: henriq_sobral@hotmail.com orcid: https://orcid.org/0000-0001-6386-2802

Luiz Felipe dos Santos Alves

Bacharel e licenciado em história (UFRJ) e graduando em Letras-Literatura (UFRJ). e-mail: felipealvesufrj@gmail.com orcid: https://orcid.org/0000-0002-0762-5383

Downloads

Publicado

21/02/2022
Métricas
  • Visualizações do Artigo 169
  • pdf downloads: 189

Como Citar

OLIVEIRA ALVES, A. carolina; DIAS SOBRAL SILVA, H.; DOS SANTOS ALVES, L. F. Desordem Planejada como política para a Educação: análise das ações e silenciamentos da SEEDUC-RJ para a EJA na pandemia (2020): Disorder Planned as a Policy for Education: analysis of actions and silencing of SEEDUC-RJ for Adult and Youth Education during COVID-19 pandemic (2020). Revista Cocar, [S. l.], v. 11, 2022. Disponível em: https://periodicos.uepa.br/index.php/cocar/article/view/4758. Acesso em: 22 abr. 2024.

Edição

Seção

A educação de jovens e adultos no tempo presente