O USO DE PLANTAS MEDICINAIS NO EM COMUNIDADES DO MUNICÍPIO DE SÃO DOMINGOS DO ARAGUAIA-PA: OFICINAS DE APRENDIZAGEM COM OS AGENTES COMUNITÁRIOS DE SAÚDE

Autores

  • Tainanda Lima Braga uepa
  • Luely Oliveira UEPA

Resumo

O uso de plantas medicinais e fitoterápicos é uma prática muito comum em todo o Brasil e no mundo. Porém, é importante lembrar que medicamentos obtidos a partir de vegetais podem causar graves efeitos colaterais em seus usuários se usados indiscriminadamente e sem orientação. Por isso é importante que os profissionais da saúde estejam qualificados para repassar um conhecimento adequado para a população sobre o uso correto dessas plantas. Os Agentes comunitários de Saúde (ACS) por terem contato com a comunidade, são considerados os mais indicados para promover o uso da fitoterapia racional nas Unidades Básicas de Saúde (UBS). Portanto, esse trabalho teve como objetivo verificar o conhecimento da população de São Domingos do Araguaia-PA acerca do uso das plantas medicinais e fitoterápicos, e em seguida realizar uma oficina de aprendizagem, baseada na metodologia da problematização, para os ACS sobre o conhecimento técnico-científico do uso das plantas medicinais. Utilizou-se para essa pesquisa de campo e descritiva uma abordagem qualitativa com aplicação de questionários. Com a análise dos resultados obtidos verificou-se que a fitoterapia é uma prática comum nas comunidades do município, revelando a necessidade de orientações técnicas científicas sobre o uso. A partir da oficina os ACS relataram que as informações expostas trouxeram a eles um sentimento de maior confiança e a possibilidade de realizar suas atividades no município com um maior desempenho, podendo fazer uma mediação do conhecimento obtido na oficina junto à comunidade em que atuam.

Downloads

Publicado

19/05/2021