Demandas psicológicas e psiquiátricas atendidas pelo Projeto de Assistência Estudantil e Assessoramento Pedagógico (PASES) em uma universidade pública na região da Transamazônica- Xingu

Autores

  • Priscilla Bellard souza Universidade Federal do Pará
  • Regina Celi Alvarenga de Moura Castro Universidade Federal do Pará
  • Natália Serafim da Silva universidade Federal do Vale do Sao Francisco- UNIVASF
  • Érika Fernandes Costa Pellegrino Universidade Federal do Pará
  • Alanny Celerino Corrêa Messias
  • Cláudio da Silva
  • Domênica Santos Chaves
  • Camila Belz kruger

Resumo

O adoecimento psicológico surge no cenário acadêmico como fator de risco ao estudante universitário, acarretando prejuízos acadêmicos e pessoais, uma vez que pode ocasionar evasão universitária e até mesmo a morte. O objetivo deste estudo foi elencar e caracterizar quais as principais demandas psicológicas e psiquiátricas apresentadas pela comunidade acadêmica da Universidade Federal do Pará/Campus de Altamira/PA. Foi realizada uma análise documental em 135 fichas de atendimento do Projeto de Assistência Estudantil e Assessoramento Pedagógico (PASES) de usuários atendidos entre 2014 e 2018, sendo tal projeto caracterizado por ser de pesquisa e extensão. Os dados mostraram que a maioria dos atendimentos foram realizados a mulheres, sendo os acadêmicos mais atendidos de Pedagogia, Agronomia e Medicina. Os principais transtornos elencados foram os depressivos e ansiosos, sendo realizados encaminhamentos psiquiátricos àqueles com episódios de ideação suicida. Conclui-se que o PASES representou um importante fator de proteção à saúde psicológica da comunidade universitária na região da Transamazônica Xingu no período investigado.

Biografia do Autor

Priscilla Bellard souza, Universidade Federal do Pará

Psicóloga e Professora adjunta da Faculdade de Educação da Universidade Federal do Pará, campus de Altamira.

Cláudio da Silva

Psicólogo Clínico

Downloads

Publicado

30/09/2020

Edição

Seção

Artigos Originais