Ensino de Física para deficientes visuais: a importância do uso de experimentos em sala de aula

Autores

  • Igor Sanches de Araújo igor.sanches@hotmail.com.br
    Universidade do Estado do Pará
  • Manoel Reinaldo Elias Filho reinaldo@uepa.br
    Universidade do Estado do Pará
  • Maria Dulcimar de Brito Silva mariadulcimar@gmail.com
    Universidade do Estado do Pará
  • Sinaida Maria Vasconcelos de Castro sinaida@uepa.br
    Universidade do Estado do Pará
  • Victtor Takeshi Barreiros Yano victortakeshi@ymail.com
    Universidade do Estado do Pará

Resumo

Identificou-se uma grande dificuldade no ensino de Física para portadores de deficiências visuais, resultante da carência de professores com qualificação para trabalhar nessa área e a necessidade de propostas metodológicas que envolvam essa disciplina e o público-alvo. Assim, surgem várias consequências, tais como: preconceito, insegurança em trabalhar com esta clientela e prejuízo à formação escolar dos discentes. Este trabalho é uma proposta para professores de turmas regulares das redes de ensino público e privado do Estado doPará, que apresenta uma abordagem pedagógica por meio de experimentos os quais os alunos não videntes possam ter autonomia para montar e aplicar. O objetivo é tornar o aprendizado de Física mais concreto, utilizando como fundamentação teórica o Construtivismo, Aprendizagem Significativa e Educação Inclusiva. A metodologia procedeu-se com o estudo, pesquisa, observação em algumas escolas públicas de Belém-PA, entrevistas e aplicação de atividades práticas e experimento de Física." Os resultados obtidos revelam a eficiência e eficácia desta pesquisa, pois evidenciam a grande evolução no aprendizado de Física por parte da estudante deficiente visual escolhida para a aplicação. "

Downloads

Publicado

08/09/2015
Métricas
  • Visualizações do Artigo 482
  • PDF downloads: 449

Edição

Seção

Relatos de Experiências