Jogos didáticos em Química: proposta de um novo jogo para o ensino de Química Orgânica

Autores

  • Alan Fabiano Vitelli de Araujo Universidade do Estado do Pará
  • Neilton da Silva Lima Universidade do Estado do Pará
  • Vania Lobo Santos Universidade do Estado do Pará
  • Cássia Regina Rosa Venâncio Universidade do Estado do Pará

Resumo

Este trabalho trata da aplicação de jogos didáticos como ferramentas de ensino de Química Orgânica e da importância que a utilização deste método alternativo pode representar no aprendizado dos alunos. São abordados os problemas gerados pelas metodologias que os professores de Química utilizam para ensinar a disciplina, as quais afetam o processo de ensino-aprendizagem, assim como são investigadas as maneiras como os jogos didáticos podem aparecer como recursos, facilitando o entendimento do assunto. Foi desenvolvido um jogo de cartas, para trabalhar assuntos de nomenclatura de compostos orgânicos, identificação de funções orgânicas e aplicações das principais estruturas carbônicas, o qual foi aplicado em duas turmas de 3o ano do ensino médio, na escola Joaquim Viana, situada em Ananindeua-PA. Para auxiliar na aplicação do jogo, foram elaborados dois questionários, um contendo quatro perguntas e outro contendo três, para conhecer as principais dificuldades em relação ao conteúdo e a opinião dos alunos acerca do jogo didático. Também foi aplicado um questionário, contendo cinco perguntas, ao professor de Química Orgânica das duas turmas, buscando com isso obter respostas sobre o que o educador pensa a respeito dos recursos didáticos que buscam reforçar o processo de ensino-aprendizagem de Química.

Downloads

Publicado

07/09/2015

Edição

Seção

Metodologias e Materiais Didáticos