Jogos tradicionais: um canto de encontro na sociedade contemporânea

Autores

Resumo

Ensaio a refletir jogos e brincadeiras tradicionais de infância no processo histórico-cultural contemporâneo perpassando movimento industrial, tecnológico e digital. Objetivo entender aproximações e distanciamentos que compõem experiências de jogo e influências na formação pessoal/social. Reflexão em subtópicos: Jogos e brincadeiras de infância das últimas décadas, espaços/tempos de encontros social/isolado; Jogos e brincadeiras de infância, observando individualização e consumo. Considerações permitiram debates teóricos sobre experiências de jogo, épocas e contextos distintos, discutindo panorama vigente sobre menor experiência lúdica, reiterando a necessidade de ampliar discussão para garantir experiência de jogo na liberdade da voz do jogador, mediante recursos digitais atuais.

Biografia do Autor

Fernando José Ferreira Aguiar, Universidade Federal de Sergipe, Brasil

Professor Adjunto do Departamento de Museologia (DMS/UFS), Professor Permanente do Programa de Pós-Graduação em Arqueologia (PROARQ/UFS) e do Programa Interdisciplinar em Culturas Populares (PPGCULT/UFS), Doutor em Educação pelo Programa de Pós-graduação em Educação da Universidade Federal de Sergipe (2012), Mestrado em História Social pela Universidade Federal da Bahia (2002). Membro Titular do Conselho de Ensino, Pesquisa e Extensão da UFS, do Conselho Estadual de Cultura de Sergipe e do Conselho Municipal de Cultura de Laranjeiras/SE. Atua principalmente nas áreas: Religiões Afro-Brasileiras, História da África, Mundo Diaspórico Negro, Decolonialidade e perspectivas negra e indígena, Arqueologia Pública, Arqueologia e Interfaces Disciplinares, Políticas Culturais, Culturas Populares, Relações Étnico-raciais/ História e Cultura Afro-Brasileira e Indígena, Socio Museologia, Comunicação e Educação em Museus.

Neila Dourado Gonçalves Maciel, Universidade Federal de Sergipe, Brasil

Graduação em Artes Plásticas pela UFBA (2004), Especialização em Metodologia e Didática do Ensino Superior pela Faculdade São Bento (2007), Mestrado em Artes Visuais (2009) pelo Programa de Pós-Graduação em Artes Visuais - UFBA, na linha História da Arte Brasileira e Doutorado em Arquitetura e Urbanismo (2015) pelo Programa de Pós-Graduação em Arquitetura e Urbanismo - UFBA, na linha de Conservação, Restauração e Gestão dos Bens Patrimoniais. É Professora Adjunta de Teorias e História da Arte do Departamento de Museologia, Co-criadora e Docente permante do Programa de Pós-Graduação Interdisciplinar em Culturas Populares da UFS. Membro dos Grupos de Pesquisas "Musealização da Arte: poéticas em narrativas" da UNB e "Design e Cultura da UFS".

Luís Bruno de Godoy, Unicamp, Brasil

Professor substituto na UNESP Rio Claro (2022); doutorando em Educação Física e Sociedade pela Faculdade de Educação Física da Unicamp (Bolsista CAPES - 2020/2023); Mestre em Ciências Humanas e Sociais pelo programa Interdisciplinar em Ciências Humanas e Sociais Aplicadas (Bolsista CAPES - 2017/2019); Bacharel em Ciências do Esporte (Bolsista CNPq - 2013/2014). Ator e palhaço habilitado pelo Sindicato dos Artistas e Técnicos em Espetáculos de Diversão (SATED/SP); Membro do Laboratório de Estudos em Pedagogia do Esporte - LEPE e Grupo de Estudos e Pesquisa em Cultura Lúdica, Circo e Educação Física - CLUCIEF; Co-idealizador do Grupo Interdisciplinar de Estudo e Pesquisas Aplicadas ao Jogo (GIEPAJ) e Núcleo de Estudo e Pesquisa na Arte do Palhaço (NEPAP); Artista formador e tutor de treinamento de palhaços; Diretor e idealizador da Inhouse - Clowns and Circus e da ONG Medicina do Riso.

Raphaela Schiassi Hernandes, Universidade Federal de Sergipe, Brasil

Professora do Departamento de Terapia Ocupacional e do Programa de Pós-Graduação Interdisciplinar em Culturas Populares da Universidade Federal de Sergipe. Possui graduação em Terapia Ocupacional pelo Centro Universitário Salesiano Auxilium de Lins (2003), Mestrado em Distúrbios do Desenvolvimento pela Universidade Presbiteriana Mackenzie (2010) e Doutorado em Saúde Coletiva pela Universidade Estadual Paulista Júlio de Mesquita Filho (2015). Tem experiência na Terapia Ocupacional, com ênfase nos seguintes temas: Terapia Ocupacional; Saúde Mental; Relações Sociais; Saúde Coletiva; Culturas Populares e Cuidado; Corpo/ Identidade; Espiritualidade; Comunidades Tradicionais e Bem Viver; Emoções e Afetos.

Downloads

Publicado

23/01/2024
Métricas
  • Visualizações do Artigo 45
  • PDF downloads: 19